Gestão de Pessoas

O que é social loafing e como neutralizá-lo

8 min de leitura | 15 de março 2022

Todo mundo já fez um trabalho em grupo na vida, seja no trabalho ou na escola e, com isso, já percebeu também o quanto é comum que algumas pessoas se sobrecarreguem mais enquanto outras não fazem praticamente nada e colhem os mesmos resultados, sejam notas ou reconhecimentos profissionais. 

A falta de iniciativa e comprometimento por parte de indivíduos em um grupo é um fenômeno conhecido como social loafing. Para saber mais sobre esse problema e conferir dicas de como diminuí-lo, é só seguir na leitura do texto.

 

O que é social loafing

Em tradução livre para o português, social loafing significa “vadiagem social”, e é um termo utilizado para explicar porque é que pessoas de bom desempenho individual se tornam menos produtivas ao precisarem realizar tarefas em grupo.

O fenômeno foi descrito pela primeira vez em 1913 por Max Ringelmann, engenheiro agrônomo que testou pessoas instigando-as a puxarem uma corda. Ao serem testadas individualmente, cada uma das pessoas se esforçava ao máximo e colocava muita força; quando a tarefa passava a ser em grupo, no entanto, ninguém mais colocava todo o seu potencial.

A partir de então, muitos pesquisadores já se debruçaram sobre a questão para entender exatamente porque ela acontece. O ideal, é claro, em um trabalho em grupo, seria que todos se dedicassem ao máximo de seu potencial para que o resultado coletivo fosse elevado a uma qualidade ainda maior – mas o que se concluiu até então é que, na verdade, as pessoas tendem a se importar muito menos com um resultado coletivo do que com os louros de um bom trabalho individual, o que faz com que se esforcem bem menos no primeiro caso. 

Além disso, é muito comum que problemas na organização do trabalho em equipe acabem fazendo com que muitas pessoas tenham que dividir uma tarefa simples e, por isso, uma delas acaba resolvendo tudo enquanto as outras se sentem desnecessárias – o que também impacta em desmotivação e, até mesmo, em casos de síndrome de burnout: afinal, quando os funcionários se sentem perdidos e sem ter certeza sobre quais são suas responsabilidades em um time, o nível de estresse aumenta consideravelmente.

Entender o problema, no entanto, é o primeiro passo para resolvê-lo. Agora que você sabe que ele existe e com que causas está relacionado, confira algumas dicas para neutralizá-lo em sua organização ou em sua equipe. 

 

Como diminuir o social loafing

Se você quer diminuir a ocorrência deste fenômeno nos times de sua empresa, atente-se às dicas a seguir:

  • Incentive a autonomia dos colaboradores

É preciso empoderar seus funcionários para que eles tenham autonomia e acreditem na própria capacidade de tomar decisões e orquestrar suas ações. Se cada passo de um trabalho depender da aprovação de um líder, os colaboradores se sentem menos aptos e, consequentemente, motivados a tocarem suas próprias ideias dentro de um projeto. 

Pode ser difícil para um líder aprender a ceder o controle, mas isso é extremamente necessário não apenas para o desenvolvimento da equipe como para o andamento saudável e produtivo do trabalho. 

  • Construa equipes coesas

De acordo com alguns estudos realizados sobre o social loafing, os efeitos do fenômeno tendem a ser reduzidos quando os colaboradores sentem que a formação do grupo foi coerente e todos têm o mesmo nível de capacidade, mesmo que voltadas para diferentes habilidades. 

Isso evita que funcionários menos capacitados se sintam menos motivados a participar por imaginarem que seu trabalho tem menos valor e menos importância que o de colaboradores mais avançados. Cada um precisa saber que seu trabalho é relevante para o contexto e, por isso, a formação das equipes precisa fazer sentido aos olhos de cada membro.

  • Divida o projeto em tarefas e distribua-as

Quando o êxito de um projeto inteiro fica nas mãos de uma equipe, sem que responsabilidades específicas sejam divididas entre cada membro, é muito mais fácil que as coisas se desvirtuem.

Por isso, o mais inteligente a se fazer em cada projeto é desmembrá-lo em várias tarefas, que ficam cada uma sob responsabilidade de uma pessoa. Dessa forma, o desempenho individual também precisa ser levado em consideração e o colaborador sabe que aquela demanda depende dele e que ele será notado caso ela não seja realizada.

Quando cada um tem suas próprias tarefas, os processos ficam muito mais claros e é muito mais difícil que as pessoas simplesmente fiquem nas costas dos outros ou que uma etapa importante não seja realizada sem que ninguém seja responsabilizado por isso. Dessa forma, tanto o andamento do projeto como um todo quanto o de cada colaborador seja muito mais positivo.

  • Evite o “ter trabalho para trabalhar”

Sabe aquelas pequenas tarefas burocráticas que muitas vezes são necessárias para o andamento do trabalho mas que gastam tempo e energia que poderiam ser investidos em algo que contribui mais diretamente com o projeto? Reuniões de alinhamento, por exemplo, ou até mesmo e-mails sobre o andamento do projeto ou o preenchimento de diversas planilhas podem ser substituídos por ferramentas que organizam todo o trabalho e facilitam a comunicação.

Esse tipo de ferramenta ainda é excelente para centralizar a organização do trabalho e ajudar cada membro do time (e o líder, é claro) a entender o andamento do projeto e a importância da realização da sua própria tarefa para que todo o resto evolua. 

Depois de entender o fenômeno do social loafing e analisar as dicas, fica muito claro o quanto os principais gatilhos para o problema estão relacionados a organização e motivação. Observando essas questões e atuando diretamente nelas, fica muito mais fácil reduzí-lo e, consequentemente, melhorar o resultados dos projetos em grupo da sua empresa.

E já que falamos sobre a importância de uma ferramenta centralizadora, que facilita o alinhamento e a organização entre toda a equipe, chegou a hora de apresentar a FlowUp, que existe para fortalecer a sua empresa.

Para conhecer o nosso software de gestão de projetos, equipes e finanças basta clicar no link e se inscrever para experimentar gratuitamente. Os nossos atendentes estão prontos para te receber e pensar em um plano ideal para atender às necessidades da sua organização no momento em que ela se encontra.